A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | 0-9
Disco    
   

Grupo: Tarwater
Título: Spider Smile
Ano: 2007
Editora: Morr Music
Formato: CD
Obs: Distribuído por Flur

Doze anos e seis álbuns após terem iniciado a sua actividade de criação musical, a dupla nuclear dos Tarwater, Bernd Jestram e Ronald Lippok (também membro dos To Rococo Rot), não se limita a confirmar a sua incapacidade para produzir discos banais, tendo conseguido criar o seu mais bem arquitectado álbum de sempre, intitulado «Spider Smile».

Se com o álbum «The Needle Was Travelling» (de 2005) o projecto germânico tinha concretizado uma aproximação mais acentuada à canção pop, polvilhada com evidências claras do maior abstraccionismo das suas edições anteriores, em «Spider Smile» refina a fórmula aí tentada ampliando, e muito, a sua eficácia. Não obstante, os Tarwater continuam, sem espaço para dúvida, a ser um grupo de música electrónica, tal a sucessão e sobreposição de diferentes níveis de ruídos digitais, que se acotovelam sincopadamente para estabelecerem o manto onde se estendem as melodias declamadas pela voz de Lippok e a instrumentação orgânica, que é modelada por estes criadores em formas intrigantes mas harmoniosas, tão frias e distantes como aconchegantes e acolhedoras. E é exactamente nesta descoberta mais evidente do poder revelatório da melodia, mesmo se envolta numa teia de inegável experimentalismo e, aqui e ali, de pioneirismo rítmico, que reside o passo em frente que «Spider Smile» significa no percurso dos Tarwater.

Encontramo-nos, assim, perante um disco com potencial para estabelecer pontes entre públicos, pois afigura-se capaz de introduzir a experimentação electrónica aos admiradores da música pop, enquanto aproxima, em sentido inverso, os cultores da feitiçaria digital da linhagem kraut das delícias agri-doces que resultam do cuidado inteligente com a melodia. Não será nunca um trabalho de dimensão planetária, mas vai provavelmente abrir novas perspectivas aos Tarwater, que assim vão sorrir ao perceberem o crescimento viral da influência da sua teia criativa e ao verem aumentar o reconhecimento do seu papel enquanto representantes avant-garde da arte de fazer música pop apelativa, sem que para isso tenham que fazer concessões.

Muito recomendável!

     
Temas   shirley temple
world of things to touch
witch park
lower Manhatten Pantoum
a marriage in belmont
roderick usher
arkestra
when love was the law in los Angeles
easy sermon
sweet home under white clouds
when tomorrow comes
     
Outros discos do mesmo artista / grupo   - Animals, Suns And Atoms | CD | 2000
- Not The Wheel | CD | 2001
- Dwellers On The Threshold | CD | 2002
- The Needle Was Travelling | CD | 2005
- Donne-Moi La Main | CD | 2009
- Inside The Ship | Digital | 2011
- Adrift | Digital | 2014
   
Artistas / grupos relacionados   - Iggy Pop + Tarwater + Alva Noto
- Rats Live On No Evil Star
- Robert Lippok
- Static
- To Rococo Rot
     
www.rum.pt www.sensoria.pt