A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | 0-9
Disco    
   

Grupo: João Coração
Título: Nº 1 - Sessão de Cezimbra
Ano: 2008
Editora: Flor Caveira
Formato: CD

O essencial do disco de estreia de João Coração é indizível! É como se fosse uma fé que se experimenta e se sente fundo, mas relativamente à qual a voz gagueja na hora de explicar. E é à luz desta enorme amarra expressiva que tem que ser interpretada qualquer palavra dita ou escrita acerca de «Nº 1 - Sessão de Cezimbra» (assim mesmo, mal escrita).

O corpus fundamental da música de Coração não é a sua voz, que sugere mágoa e oferece falsetos, mas também melancolia e vísceras. Também não é a estrutura e o encadeamento dos sons, que de algum modo têm tudo e nada a ver com o formato canção, em ensaios destituídos de refrão e onde a simplicidade se deixa dissecar em múltiplas complexidades entrançadas. Parece-me que também não será a instrumentação, essencialmente acústica e orgânica, que se liberta da electricidade para deixar à solta uma diletância belíssima nos arranjos e uma fragilidade tocante no modo como reflecte estados puros de expressão de vida e de experiências em lugares "aonde ainda ninguém chegou".

O que possivelmente mais se destaca em «Nº 1 - Sessão de Cezimbra» é o silêncio revelador que encharca cada tema até à alma, transfigurando um acorde materializado num delicado assistente de bordo de um caminho àrduo e solitário, por entre o desfiladeiro emocional que a música de Coração vai abrindo bem fundo. É uma música que se atinge apenas se escutada sem defesas, sem medos das palavras que ficam a ressoar depois do trovador se calar, e que nos fazem acordar para a custosa (mas recompensadora) realidade do silêncio interior. É, por isso, um disco com muitos momentos difíceis e árduos, algumas imperfeições, muitas zonas sombrias, muita verdade (incómoda) e muito amor, muito encanto e desencanto, revelados lentamente, nos ecos que se ouvem quando as pausas são reais...

Tão reais como aquilo que aqui se transforma em disco. Tão reais como a verdade do que aqui ouvimos. Tão reais como a vida... a vida de cada um, segundo João Coração.

     
Temas   1. Luz III
2. Agarra Em Mim
3. Dobra
4. Conheci Uma Menina
5. Bravo Coração
6. À Volta Do Rio
7. 2 Anos
8. A Estrada Não Tem Fim
9. Nada Mais
10. Gira
11. Nada A Temer
12. Final Em Casa
13. Balada Dos Uivos
     
Outros discos do mesmo artista / grupo   - Nº 1 - Lado B [Sessão de Santa Maria dos O... | Digital | 2008
- Muda Que Muda | CD | 2009
- Canções Perdidas (2º Lado B) | Digital | 2009
     
www.rum.pt www.sensoria.pt