A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | 0-9
Disco    
   

Grupo: Woven Hand
Título: Ten Stones
Ano: 2008
Editora: Sounds Familyre
Formato: CD

O regresso de David Eugene Edwards com o seu projecto Woven Hand, que iniciou como aventura a solo mas que soube emancipou assim que os 16 Horsepower cessaram actividade, faz-se com uma abordagem mais áspera que nunca, na sua discografia sempre tingida de sombras e medo.

Ao quinto álbum a guitarra reveste-se de uma dureza rock nos limites e a bateria anuncia-se como a grande profeta da sua mensagem espiritual, ritualizando esta música de inspiração transcendental e com uma linguagem que recolhe do léxico do Antigo Testamento boa parte das suas imagens, mas também as envolve em mitos e lendas dos índios americanos. Nota-se pois, uma subalternização dos elementos acústicos - que temperavam os anátemas apocalípticos das anteriores edições dos Woven Hand e lhes davam uma ponta de luz no horizonte - em relação a uma cólera eléctrica que se ergue visceralmente acima das nossas cabeças e fazem de «Ten Stones» uma austera condenação da decrepitude moral da humanidade.

Em dez temas (mais um drone instrumental) este enquadramento só é tenuamente atenuado em «Quiet Night of Quiet Stars», um original de António Carlos Jobim e Gene Lees, cuja roupagem bossa-nova tempera ligeiramente o dominante ímpeto flamejante de um David Edwards em tortuoso estado colérico, em cuja liturgia parece agora não haver lugar para a ressureição, como se tivesse arrancado da Bíblia, à força da navalha, tudo o que se seguiu a Malaquias.

A verdade é que esta inquietude ampliada, e que parece dificultar-lhe ainda mais a sua busca de um lugar neste mundo, resulta musicalmente num disco tomado pelo sobressalto emocional em carne-viva, cujo dilaceramento produz uma mescla fortíssima de riffs e ritmos, de vozes saídas das cavernas e de um estado de alma em sofrimento violento, servida por um talento enorme para, a partir deste tortuoso sentir, erguer sumptuosas canções, selvagens e puras, de alguém que encontra na sua escrita a forma de se oferecer em sacrifício ao seu único e verdadeiro Deus. E a esta entrega de Edwards só podemos inclinar a cabeça e dizer: amén!

     
Temas   1. Beautiful Axe
2. Horse Tail
3. Not One Stone
4. Cohawkin Road
5. Iron Feather
6. White Knuckle Grip
7. Quiet Nights Of Quiet Stars
8. Kicking Bird
9. Kingdom of Ice
10. His Loyal Love
     
Outros discos do mesmo artista / grupo   - Woven Hand | CD | 2002
- Blush Music | CD | 2003
- Consider The Birds | CD | 2004
- Mosaic | CD | 2006
- The Threshingfloor | CD | 2010
- Black Of The Ink EP | Digital | 2011
- The Laughing Stalk | Digital | 2012
- Refractory Obdurate | Digital | 2014
- Star Treatment | Digital | 2016
   
Artistas / grupos relacionados   - 16 Horsepower
- Woven Hand + Ultima vez
     
www.rum.pt www.sensoria.pt