A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | 0-9
Disco    
   

Grupo: Animal Collective
Título: Merriweather Post Pavilion
Ano: 2009
Editora: Domino
Formato: CD

Se «Strawberry Jam» (2007) tinha indiciado, ainda que tenuamente, uma certa acomodação dos Aninal Collective à sua formulação pro-natura da equação pop, «Merryweather Post-Pavillion» vem demonstrar que aquele momento de menor evolução serviu de reflexão sabática para que, ao oitavo álbum, florescesse esplendorosamente aquele que é o seu melhor registo.

Substancialmente não há aqui nada de novo, quando comparado com o carrossel imparável de efusividades que Avey Tare, Panda Bear e companheiros têm sabido combinar com mestria. Este novo disco continua a basear-se em doses massivas de harmonizações vocais, em pulsões rítmicas de genealogia tribal e ritualista, em referências imensas à música enquanto entidade orgânica e fluida, e numa certa elevação espiritual que se apropria do melhor do psicadelismo para lhe inocular uma filosofia ecológica.

O que espanta agora é que a sua música, que sempre apresentou uma aura celebratória mas experimental e, por vias disso, algo "estranha" e estruturalmente não-linear, ganha em «Merryweather Post-Pavillion» uma coerência interna mais evidente que a parece tornar ainda mais vibrante, mas sem que se note qualquer amputação das suas principais características de liberdade e puro gozo. Quase paradoxalmente, esta música de formas livres parece ter explodido em alegria, alcance e ecletismo ao dominar alguma da sua indisciplina, mantendo assim uma espantosa capacidade de nos deixar boquiabertos e incrédulos perante sons tão naturalmente combinados, mesmo evidenciando, à partida, uma maior vocação para a colisão frontal do que para um diálogo criativo.

E esta abordagem inventiva dos Animal Collective faz deles figuras de proa na evolução da música pop e contribui com mais uma peça para a metamorfose em curso do tradicional entendimento do músico encarcerado no virtuosismo, para dar lugar a uma concepção algo distante dessa, que equaciona a sound-art como a capacidade integral de entender os sinais dos tempos e, com eles e através da música, adoptar um posicionamento artístico arrojado, que faz da interrogação o elemento indutor da sua própria conceptualização enquanto criador e actor social e que a incorpora na sua busca de expressividade plástica.

Os Animal Collective dão mostras de estarem muito à frente de toda a concorrência, pois com o delirante «Merryweather Post-Pavillion» convocam para o agora a projecção do futuro e nos convidam a fazer parte do grupo que o quer, desde já, perpetuar...

     
Temas   1. In The Flowers
2. My Girls
3. Also Frightened
4. Summertime Clothes
5. Daily Routine
6. Bluish
7. Guys Eyes
8. Taste
9. Lion In A Coma
10. No More Runnin
11. Brother Sport
     
Outros discos do mesmo artista / grupo   - Sung Tongs | CD | 2004
- Prospect Hummer (feat Vashti Bunyan) | CD | 2005
- Feels | CD | 2005
- People EP | CD | 2006
- Strawberry Jam | CD | 2007
- Fall Be Kind | Digital | 2009
- Brother Sport | Digital | 2009
- Keep | Digital | 2011
- Centipede Hz | CD | 2012
- Honeycomb / Gotham | Digital | 2012
- Transverse Temporal Gyrus | Digital | 2012
- Monkey Been To Burn Town | Digital | 2013
- Live at 9:30 | Digital | 2015
- Floridada | Digital | 2015
- Michael Remember / Dannys Jam | Digital | 2016
- Painting With | Digital | 2016
   
Artistas / grupos relacionados   - Avey Tare`s Slasher Flick
- Black Dice
- Jane
- John Maus
- Panda Bear
- Terrestrial Tones
- Vashti Bunyan
     
www.rum.pt www.sensoria.pt