A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | 0-9
Disco    
   

Grupo: Bill Callahan
Título: Sometimes I Wish We Were An Eagle
Ano: 2009
Editora: Drag City
Formato: CD

Poucos são os compositores que se distinguem tanto de todos os outros como Bill Callahan. Pela sua voz única no timbre e na profundidade, pela sensibilidade intensa e real que desvenda a cada momento das suas canções, pela beleza tremenda que é capaz de traduzir em música, pela raridade de um percurso artístico quase imaculado e sempre em crescendo, pela honestidade sincera com que nos fala do ser imperfeito que habita em si.

Pode parecer pouco, mas todas estas razões juntas libertam a música de Callahan para uma vastidão imensa de realidade e sonho - das mútuas traições que se acometem - que explodem em partículas minúsculas a complexidade interna da dúvida que permanece em cada um de nós acerca de si próprio, e do conflito intrínseco entre o eu afirmado e o eu projectado.

Tudo isto vem à tona na música sensível e afectiva que Bill Callahn apresenta em «Sometimes I Wish We Were An Eagle», que revela um pouco mais desse impulso de liberdade sempre presente na sua obra. Primeiro em estado cru, nos primórdios dos (Smog). Depois trabalhado em sucessivas dimensões até explodir em amplas abrangências que o levaram a dissipar o nevoeiro e a avançar firme numa composição intimista, mas já sem receios de exposição pública, no que musicalmente se traduziu pelo abando do caos cacofónico com que adornava as construções melódicas de raiz folk, que agora deixa respirar com maior fôlego. E, neste sentido, dá-se neste novo percurso a revelação de um artista que perdeu o medo de transpor para música a sua incapacidade de compreender e dominar as forças que o motivam, alegram ou agridem, tornando-se num espelho mais fiel da verdade humana, frágil e falível, que em si existe.

«Sometimes I Wish We Were An Eagle» é um disco vivo - rico, denso, questionante - em que Bill Callahan escancara a alma para que outros possam perceber que não estão sós nesse íntimo desejo de compreensão da fracção que lhes cabe na morte da própria agonia de finalidade. E assim deixar entrar esta música para sempre num recanto isolado da sua existência...

     
Temas   1. Jim Cain
2. Eid Ma Clack Shaw
3. The Wind and The Dove
4. Rococo Zephyr
5. Too Many Birds
6. My Friend
7. All Thoughts Are Prey To Some Beast
8. Invocation of
Ratiocination
9. Faith/Void
     
Outros discos do mesmo artista / grupo   - Woke On A Whaleheart | CD | 2007
- Rough Travel For A Rare Thing | CD | 2010
- Apocalypse | CD | 2011
- Expanding Dub / Highs in the Mid-40's Dub | Digital | 2013
- Dream River | CD | 2013
- Have Fun With God | Digital | 2014
   
Artistas / grupos relacionados   - Joanna Newsom
- Neil Michael Hagerty
- Smog
     
www.rum.pt www.sensoria.pt