A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | 0-9
Disco    
   

Grupo: Swans
Título: My Father Will Guide Me Up a Rope to the Sky
Ano: 2010
Editora: Young God
Formato: CD

Foram catorze os anos de intervalo desde «Soundtracks For The Blind» até «My Father Will Guide Me Up A Rope To The Sky», o disco que veio romper com o silêncio do corpo moribundo que havia assumido «The Swans Are Dead» como o título para o disco registado ao vivo após a sua tournée (julgávamos) final.

Percebemos agora que Michael Gira foi capaz de manter em estado de hibernação o seu mais visceral projecto e que durante este hiato, ao invés de perder fulgor, foi acumulando energia em estado bruto, a ponto de produzir um dos discos mais intensos, ameaçadores e crus da sua carreira.

Abandonando, apenas em parte, a folk negra e pastoral que preencheu os últimos álbuns da primeira encarnação dos Swans e, também, todo o seu percurso com os Angels Of Light (que produziu cinco álbuns), Michael Gira, acompanhado por Norman Westberg (o outro fundador que resta nos actuais Swans), Christoph Hahn, Phil Puleo (ambos Swans e Angels Of Light), Chris Pravdica e Thor Harris, para além dos convidados Devendra Banhart, Grasshopper (Mercury Rev) e Bill Rieflin (ex-Ministry, ex-Revolting Cock e agora nos REM), usa a música de «My Father Will Guide Me Up A Rope To The Sky» como uma marcha marcial em máximo volume, na qual parecem combater com ferocidade grandes monolitos sonoros em estado primitivo, e de cujo choque violento resulta uma espécie de tensa bonança num caos pós-apocalíptico, mas sem que toda a torrente sónica libertada sacrifique a beleza intrínseca de cada canção.

Este notável regresso dos Swans parece devolvê-los à urgência catártica de «Children Of God» (1987), não como se a máquina do tempo nos obrigasse a andar para trás, mas como se os fantasmas que então assaltaram Gira, voltassem de novo, de modo refinado, para atormentar a sua alma criativa, que parece alimentar-se vorazmente do pesadelo interior.

«My Father Will Guide Me Up A Rope To The Sky» é um disco emocional, desesperado e brutal, jogado sempre muito próximo dos limites. É, por isso, um dos marcos de 2010!

     
Temas   01 No Words/No Thoughts
02 Reeling the Liars In
03 Jim
04 My Birth
05 You Fucking People Make Me Sick
06 Inside Madeline
07 Eden Prison
08 Little Mouth
     
Outros discos do mesmo artista / grupo   - Children Of God / World Of Skin | 2CD | 1987
- Feel Good Now | CD | 1988
- The Burning World | CD | 1989
- White Light From The Light Of Infinity | CD | 1991
- Love Of Life | CD | 1992
- The Great Anihilator | CD | 1994
- The Seer | Digital | 2012
- We Rose From Your Bed With The Sun In Our ... | 2CD | 2012
- Not Here Not Now | Digital | 2013
- To Be Kind | CD | 2014
- The Gate | Digital | 2015
- The Glowing Man | 2CD+DVD | 2016
- When Will I Return (single) | Digital | 2016
- Deliquescence | Digital | 2017
   
Artistas / grupos relacionados   - Norman Westberg
     
www.rum.pt www.sensoria.pt