A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | 0-9
Disco    
   

Grupo: Laurel Halo
Título: Quarantine
Ano: 2012
Editora: Hyperdub
Formato: CD

Laurel Halo é uma norte-americana que parece integrar-se na perfeição num novo conceito de compositores que encarnam com igual intensidade o papel de produtores, numa simbiose que eleva a potencialidade criativa a um patamar só possível no contexto digital da criação actual.
«Quarantine» é o primeiro disco em formato longo e o seu esforço mais abrangente e nele consegue fechar numa câmara de ressonância transparente as melodias pop que compõe, observando-as a colidir com as paredes que as confinam e tirando partido rítmico e cinético desse jogo invisível de forças.
Se nos seus EP's anteriores, antecâmara essencial para o que agora nos apresenta, Laurel exercitava apenas estruturas essencialmente instrumentais, em «Quarantine» leva mais longe o seu esforço inventivo e introduz a sua voz distante no centro de canções que a afogam em camadas claustrofóbicas de estranhas reverberações. Este efeito imersivo assim alcançado, afogado em barbitúricos, dotam este álbum de uma capacidade de criar uma espécie de realidade alternativa, paralela àquela em que vivemos, mas que em momento algum parece ameaçar tocar-lhe.
Com esta estratégia de afogar na produção canções que são, na essência, simples, frágeis e confessionais, Laurel Halo consegue fazer um álbum que raramente segue em linha recta, permitindo um permanente sobressalto sintético e uma sensação constante de que esta é uma música que só o futuro permitirá fruir em todo o seu alcance visionário.

     
Temas   01. Airsick
02. Years
03. Thaw
04. Joy
05. MK Ultra
06. Wow
07. Carcass
08. Holoday
09. Tumor
10. Morcom
11. Nerve
12. Light + Space
     
Outros discos do mesmo artista / grupo   - Chance of Rain | Digital | 2013
- Behind the Green Door [EP] | Digital | 2013
- In Situ [EP] | Digital | 2015
     
www.rum.pt www.sensoria.pt