A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | 0-9
Disco    
   

Grupo: Stranded Horse
Título: Luxe
Ano: 2016
Editora: Talitres
Formato: Digital

«Luxe» é o disco que marca o regresso de Yann Tambour com os Stranded Horse, sendo o terceiro álbum desde que decidiu abandonar o projecto a solo Encre e um digníssimo sucessor do fantástico «Humbling Tides», de 2012.

Muito do encanto da música que aqui podemos ouvir nasceu das viagens de Tambour pela áfrica ocidental e pelo fascínio que desenvolveu pelos sons produzidos pela kora, um instrumento local de 21 cordas que soa de um modo próximo ao da harpa, ainda que com uma tonalidade mais quente e um forte aroma tribal. Daí que, nesta altura, seja esse o seu instrumento de eleição e que está na base da sua escrita impecável de canções.

Neste modo inusitado de perfumar estruturas pop em ebulição multicultural, surge ainda a beleza límpida da voz de Eloïse Decazes, que se entrelaça na perfeição com a de Tambour, mas também o ritmo intrínseco à técnica muito própria de Ballaké Sissoko, o senegalês que lhe contrapõe o modo de execução local da kora, mas também o brilho rústico do violino fulani e da balafon.

Com toda esta variedade de abordagens, que acabam por combinar a tradição musical africana com o dicionário pop europeu, «Luxe» é um disco que exibe discreta mas orgulhosamente uma luminosidade única, encontrando um lugar muito próprio de exibir canções marcantes, simultaneamente cosmopolitas e ligadas às raízes culturais do diálogo multisecular entre os dois continentes.

     
Outros discos do mesmo artista / grupo   - Humbling Tides | CD | 2011
   
Artistas / grupos relacionados   - Encre
     
www.rum.pt www.sensoria.pt