A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | 0-9
Disco    
   

Grupo: Golden Diskó Ship
Título: Imaginary Boys
Ano: 2017
Editora: Karlrecords
Formato: Digital

Golden Diskó Ship é o nome que esconde a alemã Theresa Stroetges, quando decide compor música e produzir video-art.

Tendo a viola de arco como instrumento de partida, e no qual tem formação clássica, a música que cria tem a electrónica no coração e, no caso deste seu terceiro álbum, aumenta a sua abrangência sónica ao incorporar um baixo eléctrico como o elemento estético que estabelece a ligação entre cada um dos sete temas aqui apresentados.

Tendo sido concebido e imaginado em Lisboa, local onde a compositora passou algum tempo durante o verão de 2015, este disco tem raízes na música tradicional e experimental que Theresa escutou durante essa sua estadia, mas quse nada do que se ouve pode ser imediatamente reconhecível, notando-se apenas traços na forma de gravações de campo então recolhidas, depois processadas, ou no modo como decidiu filtrar electronicamente a sua viola de arco de sempre, agora mais presente que nunca, mas também bastante mais dissimulada.

É com esta envolvência que «Imaginary Boys» se afirma como o disco mais abrangente da carreira de Golden Diskó Ship, pois consegue tornar mais espessas as estruturas que sempre procurou trabalhar entre a música pop e o experimentalismo, à qual não será alheia ainda a presença de Schneider TM por detrás da mesa de misturas. Tudo somado, este é um pedaço de música que edifica um cosmos muito próprio, com uma grande profundidade sonora e criativa que, apesar de se expandir num universo estranho que não reconhecemos de imediato, nunca nos deixa sem o afago acolhedor daquela música que tornamos nossa, mesmo sem sermos os seus criadores.

     
Outros discos do mesmo artista / grupo   - Invisible Bonfire | Digital | 2014
   
Artistas / grupos relacionados   - Golden Diskó Ship / Jasmina Maschina
- Soft Grid
     
www.rum.pt www.sensoria.pt