A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | 0-9
Disco    
   

Grupo: Tegh
Título: Downfall
Ano: 2017
Editora: Midira
Formato: Digital

Tegh, ao que tudo indica, é um dos mais notáveis representantes de uma cena underground, praticamente desconhecida do mundo ocidental, que habita a cidade de Teerão, no Irão, e que se revela principalmente na produção de música electrónica e ambiental.

Shahin Entezami assume musicalmente a pele de Tegh e tem em «Downfall» uma obra-prima de equilíbrio entre a melodia e o ruído, ou melhor, os ruídos, pois são diversas as texturas imateriais que tomam conta, à vez, de cada um dos cinco andamentos do longo (e único) tema que aqui encontramos.

Poderia comparar-se a sua música à de Tim Hecker, no sentido em que constrói um tipo de estalactites sonoras comparáveis, ainda que menos bafejadas pela luz do que as paisagens multicromáticas do compositor canadiano. Aqui há muito mais deserto! Não só porque os movimentos são mais lentos, como se paralizados pelo calor, como há uma maior granularidade nas texturas, que são assim mais duras e abrasivas, não deixando de oferecer elementos de descanso, de oásis, nos quais o prazer da melodia vence a agonia do cansaço. E nesta aridez quente, estranha, mas simultaneamente acolhedora, Tegh constrói um disco que vai fundo, sulcando a alma de quem a ele se entrega, e aí fazendo sua morada eterna.

     
     
www.rum.pt www.sensoria.pt