A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | 0-9
Disco    
   

Grupo: Audiac
Título: So Waltz
Ano: 2017
Editora: Klangbad
Formato: Digital

E se, de repente, desejássemos um disco de canções de recorte clássico, mas impregnadas com uma linguagem de futuro? A verdade é que esse disco já existe: chama-se «So Waltz» e foi escrito, nos últimos 14 anos, pelo duo alemão Audiac.

Ao longo de dez canções somos constantemente assaltados pelo conforto e afago de reconhecermos os traços gerais da sua composição, embaladas por sons de piano, vozes e diversa instrumentação clássica e por um modo tradicional de construir progressões e variações melódicas. Em sentido contrário, invade-nos a estranheza de assistirmos à fragmentação inesperada desse formato que julgávamos dominar. Não só porque surgem mudanças bruscas de ritmo e de tonalidade, mas também porque pequenos ruídos e notas soltas se imiscuem na planície sonora, tornando-a mais acidentada, dissonante, cheia de curvas e de uma aparente desconexão entre os átomos sonoros ali presentes.

Estes elementos não reconhecíveis no formato clássico são o elemento principal na edificação de labirintos sonoros cuja porta de saída fascina buscar, porque revela sempre algo mais do que suspeitáramos, ali, bem abaixo da superfície e daquilo que aparentemente era território conhecido. Por isso, estas são dez canções pejadas de diferentes camadas, cada uma com um nível próprio de descodificação, jogadas permanentemente entre a silhueta de elementos familiares e a estranheza causada por tudo quanto não dominamos e que os Audiac se encarregaram de descobrir para nós.

E é isto que faz de «So Waltz» um disco repleto de novidade, revelada a conta-gotas, à media que nos entregamos, inteiros, a uma nova audição exploratória, cheia de recompensas inimaginadas e de promessas insinuadas para as audições futuras. O que, bem vistas as coisas, transforma este segundo tomo da obra dos Audiac, numa fonte inesgotável de estímulo e prazer auditivo.

     
     
www.rum.pt www.sensoria.pt